Aguarde...

Região de Campinas concentra 20,9% das indústrias do Estado

Facilidade logística, de transporte e oferta de mão de obra atraem empresas e novos investidores

| A Organização

Indústria é um dos setores que mais contratou em 2019 (Foto: Arquivo ACidadeOn) 

A Região Administrativa de Campinas é a segunda no Estado de São Paulo em concentração de indústrias. Estudo divulgado em março pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) mostra que a região concentra 20,9% do total estadual, quantidade inferior apenas à da Região Metropolitana de São Paulo, que corresponde a 43,8%.

O setor de destaque é o de produtos de metal, com 14,6% dos estabelecimentos da indústria de transformação, seguido por confecção de artigos de vestuário e acessórios com 11,1% e pelo setor de máquinas e equipamentos com 9,1%.

O gerente de uma indústria de telas metálicas Fabio Canova afirma que a cidade tem como vantagem a proximidade com a capital e uma rede de empresas de serviços que podem solucionar problemas com mão de obra local, mas que não está imune à instabilidade econômica do país. "As vendas na indústria vem caindo desde o meio de 2014, em alguns produtos chegou a uma queda de 20%", disse. Canova afirma ainda que o mercado tem vagas que não conseguem ser preenchidas por falta de candidatos.

Mesmo abalada pela conjuntura macroeconômica nacional, o Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos (Depecon) avalia que, comparada à capital, a região tem destaque no desenvolvimento. "Por emprego formal e por produto, a indústria vem perdendo importância, principalmente, na região metropolitana de São Paulo e vem ganhando força no interior do Estado".

O órgão também mostra que esse movimento de desconcentração industrial nas regiões metropolitanas é notado desde os anos 2000. "Segundos dados do Seade [Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados], entre anos 2000 e 2010, as regiões como São Paulo e Baixada Santista já apresentavam retração no produto industrial, enquanto Campinas e Sorocaba estavam em expansão", afirma.

Para o diretor do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp) Regional Campinas, José Nunes Filho, o apoio recebido da prefeitura da cidade tem sido essencial para o setor. "Temos hoje em Campinas uma Prefeitura comprometida com o desenvolvimento industrial, que busca diminuir a burocracia, oferecer incentivos fiscais e disponibilizar a infraestrutura" afirma. Nunes Filho também considera que a logística, juntamente com a farta disponibilidade de energia, mão de obra e geração de conhecimento são fatores essenciais para o sucesso de um empreendimento industrial.

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Veja também